“Strawberry Fields Forever” e “Penny Lane”: Nostálgica Liverpool.

1

Vários poetas compõem versos sobre as suas cidades: Baudelaire escreve sobre a sua Paris no seu “Tableaux Parisiens”; Rimbaud nos fala sobre as “Cidades Imaginárias”, ou “Le Ville Imaginaire”; Carlos Drummond de Andrade relata as suas lembranças itabiranas, de onde o poeta mineiro “trouxe prendas diversas”. Cada poeta e artista canta a sua cidade a sua maneira, eternizando-as em poemas e canções. No vasto repertório das composições da dupla Lennon-MacCartney, as músicas Strawberry Fields Forever e Penny Lane se destacam por fazerem referências à cidade de Liverpool.

Penny Lane e Strawberry Fields Forever foram lançadas em compacto no dia 17 de fevereiro de 1967-, por incrível que pareça, este é o único compacto dos Beatles que não alçou o primeiro lugar nas paradas britânicas e estadunidense, chegando ao segundo lugar apenas. Não que isto tire o mérito das composições, pelo contrário-, ambas figuram entre as composições da dupla Lennon-MacCartney mais elogiadas pela crítica musical popular e erudita. O compacto se encontra no ponto de transição entre os dois discos mais criativos do quarteto de Liverpool: o disco REVOLVER, lançado em 05 de agosto de 1966; e o álbum SGT. PEPPER´S LONELY HEARTS CLUB BAND lançado em 01 de junho de 1967.

Strawberry Fields Forever é uma composição marcadamente com o estilo de John Lennon, com uma pequena contribuição de Paul MacCartney em alguns versos. Destaque para a introdução com piano mellotron, arranjos com três violoncelos e quatro trompetes feitos pelo produtor da banda George Martin. O tema centra-se no terreno do exército da salvação em Liverpool que se chama Strawberry Field, estando a uma rua paralela de onde morava John Lennon com a sua tia Mimi; a famosa rua Menlove Avenue, que ainda daria nome ao famoso disco homônimo de 1986 de Lennon.

Penny Lane é considerada a “resposta” de Paul à Strawberry Fields. A letra descreve pontos da famosa rua homônima de Liverpool, com os seus personagens típicos, desde um bombeiro, um barbeiro e uma bonita Enfermeira com uma bandeja em mãos. Com um arranjo e com uma melodia fantástica, ela conta com melodioso solo de trompete alto, que gera uma boa harmonia com a flauta, com cello, juntamente com o piano tocado por Paul.

A estrutura de composição e harmônica, além dos arranjos, são muito parecidos em ambas as composições. Em Strawberry Fields Forever, Lennon compõe uma ode a um lugar especial de sua infância, relembra o topoi por onde brincava com amigos na sua infância-, um espaço terno e ligado às boas lembranças e sentimentos cândidos. Em Panny Lane, Paul descreve a rua que percorria quase todos os dias rumo ao Liverpool Intitute, sua escola durante o período da sua infância e pré-adolescência. O topoi de John é idílico, onírico, um ponto de devaneio remetente a um tempo pretérito; o de Paul é nostálgico, descritivo-, a rua está “nos seus ouvidos e nos seus olhos”. Penny Lane e Strawberry Fields Forever são odes máximas compostas pelos dois principais compositores da Segunda metade o século XX e executada pela principal banda da Música Serial Pop de todos os tempos: THE BEATLES. John Lennon e Paul MacCartney relembram lugares de uma Liverpool passada, mas como diz Gaston Bachelard “a memória é falha”, devaneando-, a imaginação a completa.

Araraquara, 30 de novembro de 2009.

Strawberry Fields Forever

Strawberry Fields Forever -Campos De Morangos Para Sempre

Let me take you down -Deixe-me te levar
Cause I'm going to -Porque eu estou indo aos
Strawberry Fields -Campos de morangos
Nothing is real -Nada é real
And nothing to get hung about -Não há por que esperar
Strawberry Fields forever- Campos de morangos para sempre

Living is easy with eyes closed -Viver é fácil com os olhos fechados
Misunderstanding all you see -Sem entender o tudo que você vê
It's getting hard to be someone- Está ficando difícil ser alguém
But it all works out -Mas tudo parece funcionar bem
It doesn't matter much to me- E isso não é muito importante pra mim

Let me take you down -Deixe-me te levar
Cause I'm going to -Porque eu estou indo aos
Strawberry Fields -Campos de morangos
Nothing is real -Nada é real
And nothing to get hung about -Não há por que esperar
Strawberry Fields forever- Campos de morangos para sempre

No one I think is in my tree -Acho que não tem ninguém na minha árvore
I mean it must be high or low -Quer dizer, deve estar alto ou baixo
That is you can't you know tune in -Ou seja, você sabe que não pode entoar
But it's all right- Mas tá tudo certo
That is I think it's not too bad- Assim, penso que não é tão ruim

Let me take you down- Deixe-me te levar
Cause I'm going to- Porque eu estou indo aos
Strawberry Fields- Campos de morangos
Nothing is real- Nada é real

And nothing to get hung about -Não há por que esperar
Strawberry Fields forever- Campos de morangos para sempre

Always, no, sometimes, think it's me -Sempre, não, às vezes, acho que é me
But you know I know when it's a dream- Mas você sabe que eu sei quando é um sonho
I think, er, no I mean, er, yes -Penso que, er, não quero dizer, er, sim
But it's all so wrong- Mas é tudo tão errado
That is I think I disagree- Isso é que eu acho que eu discordo

Let me take you down- Deixe-me levá-lo para baixo
Cause I'm going to Cause I'm going to
Strawberry Fields Strawberry Fields
Nothing is real
-Nada é real
And nothing to get hung about -E nada de ficar pendurado sobre
Strawberry Fields forever -Campos de morangos para sempre
Strawberry Fields forever -Campos de morangos para sempre
Strawberry Fields forever -Campos de morangos para sempre

CLIPE:















Penny Lane

Penny lane there is a barber showing photographs -Em Penny Lane há um barbeiro mostrando fotos
Of every head he´s had the pleasure to have known -De cada cabeça que ele teve o prazer de conhecer
And all the people that come and go- E todas as pessoas que vão e vem
Stop and say hello -Pare e diga olá

On the corner is a banker with a motor car- Na esquina há um banqueiro com um carro
The little children laugh at him behind his back- As criancinhas riem dele por suas costas
And the banker never wears a mac -E o banqueiro nunca usa um mac
In the pouring rain -Na chuva
Very strange- Muito Estranho

Penny lane is in my ears and in my eyes- Penny Lane está meus ouvidos e nos meus olhos
There beneath the blue suburban skies -Lá em baixo do céu azul do subúrbio
I sit and meanwhile back- Eu sento e enquanto isso.

In penny lane there is a fireman with an hourglass- Em Penny lane há um bombeiro com uma ampulheta
And in his pocket is a portrait of the queen -E no seu bolso há uma foto da rainha
He likes to keep his fire engine clean- Ele gosta de manter seu motor limpo
It´s a clean machine- É uma máquina limpa

Penny lane is in my ears and in my eyes -Penny Lane está no meus ouvidos e nos meus olhos
A four of fish and finger pies- A quatro dedos de peixes e tortas
In summer, meanwhile back -No verão, entretanto, de volta

Behind the shelter in the middle of the roundabout- Atrás do abrigo no meio de uma rótula
The pretty nurse is selling poppies from a tray -A bonita enfermeira vendendo papoula em uma bandeja
And though she feels as if she´s in a play -E embora ela sinta como se estivesse em uma peça
She is anyway- Ela está mesmo

Penny lane the barber shaves another customer- Penny Lane o barbeiro faz a barba de outro cliente
We see the banker sitting waiting for a trim -Nós vemos o banqueiro sentado esperando por um corte
And then the fireman rushes in- E então o bombeiro corre
From the pouring rain- para dentro vindo da chuva
Very strange- Muito Estranho

Penny lane is in my ears and in my eyes -Penny Lane está nos meus ouvidos e nos meus olhos
There beneath the blue suburban skies- Lá debaixo do céu azul sub urbano
Penny lane is in my ears and in my eyes- Penny Lane está nos meus ouvidos e nos meus olhos
There beneath the blue suburban skies- Lá debaixo do céu azul sub urbano
Penny lane Penny lane.

CLIPE:












1 comentários:

Ema B. disse...

Strawberry é uma das minha musicas prediletas!